Recomendação de leitura

Se você está visitando o blog pela primeira vez, recomendo que comece lendo das publicações mais antigas às mais recentes. Assim é a lógica do blog, para que você possa compreender a história de Clara e Davi.
Um casal apaixonado, que por algum motivo se viram obrigados a ficar separado, recorre à Internet para ajudar a suportar a saudade e solidão.
Aqui, você vai encontrar as cartas de amor trocadas por este casal.
Entrelinhas

quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

Preciso confiar em você...

Davi,

É, você me conhece mesmo... 


Não é falta de confiança em você, ou descrença no nosso amor... Mas é tão complicado para nós, mulheres, entendermos que vocês homens podem sair com os amigos, se divertir, tomar cerveja e não rolar nada além... Isso pode ocorrer, como espero que ocorra nesses seus 4 dias de descanso, mas nós crescemos em um mundo machista, onde a traição masculina é algo normal, aceitável, afinal, o homem tem de suprir suas necessidades básicas de sexo... (Detesto isso!).

Imagina como me sinto à distância então.... Quanto tempo que estamos separados?  Há quanto tempo você está sem relação???

Ah, Davi, é tão complicado para mim...Eu acredito em você, no seu amor... Mas é como se houvesse uma briga interna, um anjinho e um diabinho discutindo sobre amor, sexo e traição

Mas tudo bem, amor, não quero pensar nisso. Vou esvaziar minha mente. Tentar não ficar muito em casa esses dias, para tirar esse sentimento de dentro de mim. Nosso amor será mais forte.

Sei o quanto você me ama e preciso confiar em você.

Me desculpe e se divirta, você merece.

Clara.

2 comentários:

Marina Garcia disse...

Eu, com certeza, não conseguiria...
Sou por demais ciumenta e descrente da fidelidade masculina à distância (perto ainda dá para ter esperanças... e olhe lá).

Rafhitch disse...

Eu acho meio complicado esse lance de relacionamentos à distância.

Tem que se ter muita maturidade e acima de tudo, muita confiança mesmo.

Relacionamentos à distância é coisa complicada. Hehehe!